Carrinho

Um dos procedimentos estéticos mais realizados nos dias atuais, sem dúvida é a aplicação de Toxina Botulínica (popularmente conhecida como Botox).
O crescimento pela procura deste procedimento se deve aos diversos benefícios que a substância oferece para o rejuvenescimento facial.
Com a grande procura por cirurgias plásticas e procedimentos estéticos, é normal surgirem também diversos mitos a respeito deles.
A aplicação da Toxina Botulínica é um desses procedimentos cercado por diferentes tipos de mitos.
Para solucionar suas dúvidas, a melhor forma é consultando um médico, mas antes confira os 5 principais mitos sobre a Toxina Botulínica.
Entenda um pouco mais sobre sua aplicação.

A Aplicação da Toxina Botulínica

A Ação da toxina botulínica é de “paralisar” o movimento muscular responsável pelo surgimento das rugas.
Ela paralisa tanto as que se formam quando o músculo está em movimento, quanto as estáticas que surgem mesmo quando o rosto está parado.
A paralisação dos músculos promove o rejuvenescimento facial, isso porque a toxina impede a contração muscular responsável pela formação da ruga.
Porém antes de decidir optar por este procedimento é fundamental esclarecer os mitos que o cercam.

1º Os Resultados são permanentes.

Mito. Os resultados da Toxina Botulínica não são permanentes e a aplicação costuma durar por 4 a 6 meses.
Após este período as linhas de expressão voltam a ser como antes, pois passando o efeito da toxina os músculos voltam a se contrair.
Para que os resultados da Toxina Botulínica sejam mantidos por mais tempo é fundamental realizar o procedimento de acordo com a indicação do médico, duas vezes ao ano para evitar a resistência à toxina botulínica.

2º As aplicações da Toxina Botulínica funcionam somente para rugas.

Mito. A aplicação da Toxina Botulínica não é indicada somente para fins estéticos, ela também pode ser realizada para bloquear as glândulas sudoríparas temporariamente a fim de amenizar problemas com transpiração excessiva em axilas, palma das mãos e planta dos pés.
Em alguns casos sua aplicação também pode reduzir crises de enxaqueca e ainda ajudar no tratamento de pacientes que sofrem com depressão.

3º A Toxina Botulínica é indicado somente para mulheres.

Mito. A procura pela aplicação é maior por parte das mulheres, mas isso não quer dizer que os homens não possam realizar o procedimento.
Nos dias atuais os homens estão cada vez mais preocupados com a sua aparência, o que tem contribuído para o aumento cada vez maior de homens que procuram pelo procedimento.
Sua procura é maior por homens à partir dos 30 anos de idade.

4º A Toxina Botulínica na face é indicada para pessoas jovens.

Mais um Mito. Uma jovem de 18 anos não possui rugas, então porque aplicar Toxina Botulínica no rosto?
Cada caso é um caso e alguns pacientes estão propensos a começar a ter as primeiras linhas de expressão antes dos 30 anos.
Portanto, é recomendado que as pessoas esperem até pelo menos os 25 anos para começar a realizar a aplicação da Toxina Botulínica.
É fundamental que a aplicação seja acompanhada por um cirurgião plástico.

5º A Toxina Botulínica deixa o rosto com um efeito artificial.

Depende. Este pode ser tanto um mito como uma realidade.
Os resultados esperados com a aplicação da Toxina Botulínica são o mais natural possível, mas quando ele não é realizado por um médico especializado, cirurgião plástico de preferência por conhecer melhor a anatomia da musculatura facial, você corre o risco se sofrer com o exagero da aplicação da Toxina Botulínica.
O resultado da aplicação excessiva da Toxina Botulínica pode ser tanto um rosto sem expressão, devido estar “paralisado”, como também a assimetria dos lados do rosto.
A aplicação mal feita também pode prejudicar os movimentos faciais, como mastigar, piscar e até mesmo de respirar. Por isso é fundamental a procura por um cirurgião plástico confiável.

Fonte: Clinica Dr. Rogério Gomes Cirurgia Plástica  –  Contato: +55 (48) 3223-7700 | WhatsApp (48) 99926-7770

Se você é uma mulher baixinha e vive sofrendo em cima de um salto alto, você precisa ler essas dicas de 5 maneiras de parecer mais alta sem precisar de salto alto!

Não é todo dia e nem em todas as ocasiões que estamos dispostas a usar salto. Mas, para parecer um pouquinho mais alta algumas baixinhas fazem qualquer sacrifício! Mas somente o salto é capaz de fazer a gente parecer mais alta? Não tem nada mais confortável do que isso?

Tem!

Dê uma olhada nessas dicas para alongar a silhueta e deixar o seu dia a dia muito mais confortável!!!

S.O.S Mulher Baixinha

1. Calça Skinny

As calças de boca mais larga estão na moda.. mas para a mulher baixinha a melhor escolha ainda é a calça Skinny (aquelas bem grudadinhas na canela). Elas devem ser no comprimento certo, não podem estar com a barra muito comprida e nem dobradinha, para não achatar.

As baixinhas podem usar calça Flare!! Desde que sejam bem ajustadas no corpo, tenham um corte mais reto e com barra ligeiramente aberta. Devem ser usadas com blusas para dentro ou na altura do cós. Assim ajudará a alongar as pernas.

Calça Simone – Marca Le Blog

2. Decote em V

Essa é top!!! As baixinhas devem abusar do decote V!!! Esse tipo de decote dá a ilusão de um corpo mais longilíneo e pescoço alongado, te deixando aparentemente mais alta. Também podem ser interessantes para quem tem seios grandes, pois dão a ilusão de que você está mais magra.

Body Tati – Marca Leblog

3. Sapato baixo de bico fino

Delícia!! Muito bom saber que um sapato baixo e confortável é capaz de alongar as pernas.

Quando mais longo e fino o bico do sapato, mais longa sua perna pode parecer!

Outra dica: quanto mais parecida com a cor da sua pele, melhor!

4. Jaquetas ou Casaquinhos curtos

Casaquinhos, jaquetas, coletes ou mesmo blusas que param na linha da cintura ou acima deixam o tronco mais curto e consequentemente alongam as pernas. Por isso as baixinhas devem aproveitar a moda cropped e investir em looks com essas peças.

Blazer Maria Rita – Marca Duplo Sentido

5. Lenços no pescoço

Lenços no pescoço caindo na vertical do corpo também ajudam a alongar! Os lenços podem ser usados o ano todo, por isso podem ser grandes aliados nos looks das baixinhas. Ouse nas cores e estampas!!!
Para finalizar, eu sou totalmente a favor do conforto e nem ligo muito de ser baixinha. É lógico que, se podemos usar algumas peças que favoreçam nosso tipo físico e que melhoram nossa autoestima, nós investimos. Mas a dica principal é: não sofra por isso e muito menos prejudique sua saúde e seu bem estar! ♥